terça-feira, 4 de dezembro de 2018

ModinharÂndia(Soneto, n.446. Forma P.H.B., dedicado a Tifany Fiks)

Caminhando contra o Vento
as onças pardas À

escuridão do mei'dia... púlpitos 'magrÉcem
fÔrmas, SEM litania dos Perdões:
a gente se encosta nos outros 

parecendo o padre
que fala do Inferno 
sem NÚnca ter ido
LÁ__________

casa Kosmos contiNUa
sem impermeáveis em liquidação...
ouvido que apura os ZÚmbios

das cardinales buNÍtas
que mundo ParÔÔu de repente...

Nenhum comentário:

Postar um comentário